Marketing Jurídico

Conheça cinco livros de marketing jurídico para ajudar o seu escritório

4 de maio de 2021 por

Descubra os livros de marketing jurídico que podem mudar o negócio do seu escritório!

O número de escritórios e advogados que têm adotado o processo de transformação digital e investido em técnicas de marketing jurídico para fortalecer a presença das bancas nos canais digitais é cada vez maior.

De acordo com levantamento da Análise Editorial – editora responsável pelo ranking Análise Advocacia – entre os escritórios de grande porte, 94% possuem site e 90% estão nas redes sociais. Além disso, 77% das bancas fazem envios periódicos de newsletter.

Já entre os escritórios de médio e pequeno portes, a presença na internet por meio de sites é de 99%, mídias sociais 97% e 69% enviam newsletters com frequência.

Os dados reforçam uma adesão cada vez mais contundente por parte das bancas e de seus profissionais e revelam a importância do marketing jurídico, que vem se tornando uma expertise mandatória para os gestores das bancas e os responsáveis pela contratação de empresas especializadas.

E, embora não se trate de um tema novo, o marketing jurídico vem ganhando atenção especial em função das diversas possibilidades que oferece para tornar a comunicação na advocacia mais fluída e eficiente, além de ser uma ferramenta fundamental para a estratégia de negócio, que pode oferecer importantes resultados na atração e fidelização de clientes.

Para conhecer um pouco mais sobre o conceito de marketing jurídico, indicamos a leitura de alguns livros que abordam de maneira prática como implementá-lo.

1 – Marketing Jurídico Na Prática

Autor: Bruno Pedro Bom

Como a inteligência da gestão do Marketing Jurídico contribui efetivamente aos profissionais do Direito, em quaisquer níveis de atuação, para a construção de reputação, aumento de visibilidade e conversão de clientes – respeitando as diretrizes do Código de Ética e Disciplina da OAB.

Link para o livro

2 – Marketing Estratégico para Advogados – Fácil, Ético e Eficaz

Autora: Juliana Pacheco

Abordagem prática e direta a respeito das melhores estratégias de marketing, divulgação e publicidade na advocacia. Temas como: definição do plano de marketing, detalhamento do público-alvo, marca, identidade visual, comunicação eficaz, redes sociais, site, inbound marketing, marketing digital, publicações, entre outros, são abordados e exemplificados nesta obra.

Link para o livro

3 – Marketing Jurídico

Autora: Felipe Asensi

Apresenta de maneira prática como é possível fazer diferente na área de prestação de serviços jurídicos, com foco especial nos escritórios de advocacia e departamentos jurídicos. O objetivo é de fornecer subsídios úteis para que todo e qualquer profissional que trabalhe com o Direito perceba a sua atuação num contexto maior do que a mera rotina do dia a dia e pense em estratégias inovadoras e consistentes de promoção dos seus serviços jurídicos com confiabilidade.

Link para o livro

4 – Marketing Jurídico – O Poder das Novas Mídias & Inteligência Artificial

Autor: Rodrigo Bertozzi

As futuras batalhas jurídicas serão travadas com os avanços da inteligência artificial e o posicionamento da marca jurídica. É uma obra prática com centenas de dicas objetivas para implementação das novas mídias e IA. São debatidos temas como: bots de atendimento ao cliente, estratégias de mídias sociais, novas estratégias de relacionamento com o cliente, como trabalhar com a inteligência artificial jurídica e a advocacia do futuro.

Link para o livro

5 – O Marketing nos Escritórios de Advocacia do Brasil

Autor: Marcelo Martins Borges

O exercício da advocacia não se restringe mais ao conhecimento técnico do Direito e inúmeros fatores passaram a influenciar diretamente as firmas de advocacia. A manutenção de clientes e a conquista de mercado são os atuais objetivos. O Marketing nos Escritórios de Advocacia do Brasil é uma leitura para aqueles que pretendem sobreviver e crescer em um mercado altamente competitivo e eficiente.

Link para o livro.

Vale lembrar que é recomendado que a execução de estratégias de marketing jurídico seja realizada em parceria com empresas especializadas, especialmente porque, em razão do Provimento 94/2000, existem diversas regras sobre o que pode ou não ser feito quando se trata de publicidade na advocacia.

Você também pode se interessar por: 5 mitos do Marketing Jurídico e A importância da estratégia de conteúdo para o marketing jurídico

Quer começar a usar uma estratégia
de marketing para a sua empresa e
precisa de ajuda?

Veja 6 dicas para escolher uma
agência de marketing digital!

Esteja atualizado
Receba nossos conteúdos mais relevantes em um único e-mail mensal